A ação de número 17 foi a realização da Intervenção Jogos Cortazianos – instruções para desaparecer, que tem direção do parceiro-performer Flávio Rabelo, com dois jogadores convidados: Luis Eduardo Ferraz e Carolina Baraglio.

O delicioso relato a seguir é de Carolina:

………………………………………………………………………………….

WhatsApp Image 2018-12-21 at 09.08.05Carta as Matulas

Matulas,

Recebi um convite desafiador na semana passada: participar de um Jogo na Rua 13 de Maio de Campinas, natal comendo solto, sensação térmica igual ao deserto paulista, sem ensaio sem nada. Só na alegria e na coragem. Aceitei porque ando nessa fase de pensar que falo mais nãos do que sim. E também porque há algum tempo estou afastada da cena e senti aí uma oportunidade de viver de novo as ruas transformadas em palcos temporários.

Conversamos pouco sobre a ação e depois fiquei sabendo que a surpresa era fundamental. Mandaram um vídeo, roteiro, uma reunião e breve experiência para sentir a delicia de estar de macacão verde e tênis, andando pelas ruas com outra atenção.

Dia 18, e lá fomos nós. Somos sortudas: estava nublado, o centro ainda não estava tão cheio e já no trajeto até a Estação Cultura de Campinas onde iniciamos a ação, estávamos todos conectados. Esses milagres que acontecem com povo de teatro.

WhatsApp Image 2018-12-21 at 09.05.27A principal regra do jogo é: tudo que não é proibido é permitido. (Acho que essa regra não é a principal, mas foi a que mais gostei e ficou até hoje ecoando na minha cabeça como uma sábia sentença). Descemos a 13 de Maio. Os olhares se voltaram para nós, sem a necessidade de grandes piruetas. É a tal das Zonas de Interrupções que abrem fendas no tempo e no espaço do real. Quando abrem os portais há uma nova contagem, outras sensações são permitidas, tudo se expande. Não podemos estar muito tempo por lá por isso é necessário aproveitar, da melhor maneira, os pequenos contatos com a gente que está andando, trabalhando, correndo, morando. As crianças são ainda outro portal. Não tem medo de querer e vão facilitando nosso contato com os adultos que as acompanham. Descemos mais um pouco. Esqueci de uma coisa: não pode esquecer o cilindro de gás hélio que é parte fundamental da ação. Carrega ele e vamos descer mais.

WhatsApp Image 2018-12-21 at 09.07.17Ali perto da Catedral, atrás porque não pudemos estar na frente ainda, paramos para a última etapa do trabalho que consistia em convidar os passantes para um Jogo. Muita gente não aceita, mas muita gente aceita também. Aquela história que falei lá em cima de falar mais nãos do que sim. Fiquei pensando nisso e depois, quando finalmente ouvi o áudio final, também lá estava essa questão. Quer dizer que realmente deve ser importante e devo continuar pensando sobre isso.

Foi bonito ouvir as pessoas. Gosto muito da rua por isso, tudo tem vida, diversidade, sentimentos comuns a todos, cansaço, desespero e esperança; um desejo profundo de um país mais justo, tudo convivendo junto, no coração cansado das pessoas que fazem os últimos acertos para começar de novo.

Voltei feliz. Pela oportunidade de poder fechar o ano com essa experiência na cabeça.

Queria agradecê-las, Matulas, por esse convite e por estar há 18 anos na luta pela arte, pela democratização da cultura, por políticas públicas e políticas de fomento que verdadeiramente se relacionem com a grandiosidade da nossa produção artística nesse país. Sou de uma geração mais recente de atores e atrizes que, sem dúvida, têm o trabalho de vocês como referência de resistência.

Muito obrigada por isso e por tanta delicadeza no fazer das coisas.

Agradecemos nós, artistas, alunos e espectadores por esse longo e lindo trabalho!

WhatsApp Image 2018-12-21 at 09.04.30Um grande beijo,

Carolina Baraglio

Ah, já coloquei lá na lista de afazeres pro ano que vem:

– estar mais na rua;

– falar mais sim do que não;

-me aproximar do Matula;

– resistir, porque vale.

………………………………………………………………………………….

E nós, Matulas, de coração quente e alma cheia, agradecemos as incontáveis parcerias que tornaram e tornam possível essa trajetória!

Obrigada Carol e Dudu, pelas intensidades dessa semana!

Matulas

 

#18TemposParaReAgir

#AçãodeBuniteza

#Matula18